Baile que segue

21:52


Olhando em teus olhos entendo minha necessidade de ser a certeza e não a dúvida de alguém. A incerteza dói, uma dor tão profunda, que não sei como expor em simples palavras.

Tenho andado em busca de um amor, me perdoe dizer, pobre. Enquanto eu não me amar ao ponto de seguir bem comigo mesmo, encontrarei paixões meia boca. 

Sabe a velha história que aceitamos o amor que achamos merecer? Pois bem, achei que merecia o seu, que bobo engano! Eu mereço horizontes, mereço a certeza de um abraço casa.

Permanecer de braços cruzados, a deriva e na escuridão de não saber se serei um dia tua certeza, me revela que seguir em frente não é uma opção:

É CONSEQUÊNCIA!

Leia Também

0 comentários

Twitter

Subscribe